(41) 3068-6708

Tudo

  • Tudo
  • Auditoria Interna
  • Semana de Auditoria Interna
  • Controle Interno
  • Operacional
  • Auditoria Interna
  • Trabalhista
  • Fraudes
  • Black Friday
  • Contabilidade
  • Holding
  • Imposto de Renda
  • Planejamento Tributário
  • Franquias
  • PIS e COFINS
  • Cadastro Ambiental Rural
  • Retenções Tributárias
  • Blog
  • Auditoria
  • Contabilidade
  • Franquias
  • Tributário
  • Holding
  • Trabalhista

Online - Pis e Cofins Agroindústria Arrozeira

R$ 190,00
O aluno terá um prazo de acesso ao curso por 30 dias, podendo neste tempo: - Acessar as vídeo-aulas quantas vezes achar necessário; - Efetuar o download do livro didático e ma...

PROGRAMA:

Este treinamento visa informar sobre o direto à restituição do PIS e COFINS das agroindústrias arrozeiras optantes pelo Lucro Real, sistemática não cumulativa prevista nas Leis 10.637/02 e 11.833/03.

São valores pagos ao percentual de 9,25% sobre fretes inseridos no transporte, depreciações, armazenagem, energia elétricas, embalagens e outros . Que devem ser ressarcidos pois são adiantados por ocasião do pagamento ao fornecedor.

Assim, como exemplo, sobre uma carga de arroz transportada por terceiros, em que a empresa assume o pagamento do mesmo, no valor R$ de 10.000,00,a, poderá restituir ou compensar PIS e COFINS no valor de R$ 925,00.

Por mais, que as vendas da cerealista sejam suspensas, a Lei 11.033/04 permite a manutenção dos créditos, mesmo com saídas sem tributação.

No mesmo sentido, a Lei 11.116/05 determina que o crédito da Lei 11.033/04 pode ser restituído através da compensação IMEDIATA com o IRPJ, CSLL, FUNRURAL (INSS), bem como poderá ser ressarcido em numerários (processo em torno de 05 anos).

Lembrando, que a Lei 10.925/04 permite o aproveitamento ao crédito presumido do de PIS e COFINS sobre a compra do arroz em casca, mas não admite a compensação do saldo credor com outros tributos, senão o PIS e COFINS.

Ressarcimento e Restituição do PIS e COFINS sobre os gastos extemporâneos poderá ser efetuado dos últimos 05 anos:

- Embalagens e insumos

- Frete pago no transporte dos produtos agrícolas, em que a ARROZEIRA assumiu o ônus.

- Energia elétrica

- Depreciação de imobilizado

- Despesas de armazenagem

- Outros

Lançamento no EFD PIS e COFINS

Compensação com IRPJ e CSLL

Compensação com impostos e tributos a vencer ou em atraso

Possível compensação com INSS (Funrural)

Os valores relativos ao PIS, COFINS e nos últimos 5 anos sobre recolhimentos futuros impactarão no orçamento da empresa. Os créditos apontados como recolhimentos indevidos poderão ser utilizados na amortização de parcelamentos de débitos junto a União ou constituição de créditos a serem abatidos em recolhimentos futuros, bem como compensados com outros débitos Federais(IRPJ-CSLL).


Restituição do PIS e COFINS das agroindústrias arrozeiras, supermercados, transportadoras, indústrias e empresas que querem mudar do lucro presumido para o Lucro Real. Esses créditos são adiantados perante os fornecedores de frete, energia elétrica, ativo imobilizado, insumos, embalagens, etc.

Revisar e verificar os créditos não aproveitados para fins de PIS e COFINS nos estabelecimentos industriais nos últimos 05 anos, de acordo com a jurisprudência administrativa (Conselho de Recursos Fiscais) e Jurisprudência dos tribunais.

Ressarcimento desses créditos para compensação com IRPJ, CSLL, INSS (ex-funrural) e débitos vencidos da Receita Federal.

Gerar um estoque de créditos tributários para compensações futuras.


Contadores, Advogados, Assistente Fiscal/Tributário/Contábil, Auditores, Administradores, Diretores, Sócios e demais interessados a agregar conhecimento sobre mais formas de economia tributária através do planejamento.



PROF. PAULO HENRIQUE TEIXEIRA   


Contador, Auditor, Advogado Tributarista, Consultor de empresas de São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Coordenador Técnico dos sites Portal de Auditoria, Valor Jurídico, sócio administrador da Maph Auditoria Assessoria Empresarial e Clínica Tributária, Autor de vários Livros e Obras Eletrônicas, entre as principais: Créditos de Pis e Cofins, Contabilidade Tributária, Auditoria Tributária, Blindagem Fiscal e Contábil, Como Calcular o IRPJ - Lucro Real, Defesa do Contribuinte em Autuação Fiscal, Fechamento de Balanço com Economia de IRPJ e CSLL, IPI – Teoria e Prática.


O aluno terá um prazo de acesso ao curso por 30 dias, podendo neste tempo:

 - Acessar as vídeo-aulas quantas vezes achar necessário;
 - Efetuar o download do livro didático e materiais complementares;
 - Tirar dúvidas via e-mail diretamente com o palestrante;
 - Realizar a avaliação do curso e emitir seu certificado.

Carga horária: 08 horas 

A carga horária total do curso é compreendida entre:

Vídeo-aulas gravadas;
- Livro didático;
Materiais complementares;
Plantão tira dúvidas;
Avaliação do curso.

Acesso ao cursoLiberação imediata via e-mail após a confirmação do pagamento; 

Plantão tira dúvidas: Diretamente com o palestrante via e-mail durante o prazo de acesso ao curso;

Certificado: O certificado de conclusão será emitido diretamente pelo aluno em formato PDF após obtenção de 75% de aproveitamento do curso mediante a realização de uma avaliação. 

 


* Flexibilidade de tempo e espaço: você estuda de onde estiver, a hora que quiser;

* Flexibilidade de ritmo: você evolui de acordo com o seu ritmo, de acordo com sua velocidade de aprendizagem;

* Economia: nossos cursos a distância reduzem os custos em relação aos dos sistemas de ensino presencial e tradicionais;

* Acompanhamento individual: o tutor lhe orientará de acordo com suas necessidades (disponível para a maior parte dos cursos e planos);

* Desenvolvimento pessoal: nossos cursos estimulam a auto-aprendizagem, desenvolvimento da iniciativa, de atitudes, interesses, valores e hábitos educativos.


Escreva um comentário

Nota: O HTML não é traduzido!
    Ruim           Bom